Notícias

Você está aqui:

Problemas de sono agravam dor e disfunção em adolescentes com cefaleia

Adolescentes com enxaqueca e problemas de sono tiveram aumento da interferência da dor e incapacidade funcional durante o dia, de acordo com um resumo apresentado durante a mais recente reunião científica anual da American Headache Society.
A pesquisa é composta de dados de 101 pacientes e seus pais na Clínica Integrada de Cefaleia Pediátrica da Universidade de Utah de julho de 2019 a dezembro de 2021. Os participantes, com idades entre 12 e 17 anos, eram 62% do sexo feminino. Pais e seus filhos preencheram questionários avaliando a incapacidade causada pela dor de cabeça, usando o Pediatric Migraine Disability Assessment Tool, e fizeram avaliações sobre dificuldades em adormecer, permanecer dormindo e despertar do sono.


O estudo mostra que distúrbios significativos do sono noturno resultam em dores de cabeça mais intensas, o que significa que os adolescentes são mais propensos a faltar e ter problemas na escola, bem como perder atividades. Muitos tiram cochilos para ajudar a melhorar a dor, mas isso prejudica a qualidade do sono à noite.


Os dados são indicadores de que pacientes em clínicas de cefaleia devem ser examinados para distúrbios do sono em todas as idades. Para mais informações e ler a matéria completa, acesse: https://journals.lww.com/neurotodayonline/blog/NeurologyTodayConferenceReporterAmericanHeadacheSocietyAnnualMeeting/pages/post.aspx?PostID=46

Compartilhe
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print
Notícias recentes
Próximos eventos
Nenhum evento encontrado!
Entre em contato
LGPD
Cadastro

Cadastre-se e fique por dentro das novidades e eventos da ABNeuro

© Academia Brasileira de Neurologia