Arquivos de Neuro-Psiquiatria, a principal publicação de Neurologia da América Latina



No Brasil, a pesquisa cresce progressivamente com o passar dos anos e, no campo da Neurologia, não é diferente. Um dos indícios desse cenário é a revista Arquivos de Neuro-Psiquiatria, periódico nacional e considerada a principal revista de Neurologia da América Latina.


Criada em 1943, o periódico tem mais de 75 anos e é órgão oficial da Academia Brasileira de Neurologia (ABN). O intuito é disponibilizar publicações científicas, produzidas por pesquisadores brasileiros, ou de diferentes nacionalidades, que detenham estudos com grande relevância científica.


“Procuramos materiais que possam ser úteis para o avanço do conhecimento científico e para a prática clínica da Neurologia” pontuou Paulo Caramelli, um dos editores-chefes e professor titular da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais.

Publicada mensalmente, a revista é impressa e digital. Os que têm contato com ela em papel são os membros da ABN, assinantes da revista, sendo estes últimos, em sua grande maioria, residentes no Brasil. Já a versão eletrônica, disponibilizada através da plataforma SciELo, é de livre acesso, tornando o periódico ainda mais atraente.


De acordo com Hélio Teive, professor associado de Neurologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e também editor-chefe, a revista permite que os assinantes entrem em contato com diversos materiais que contribuam para a divulgação dos avanços no campo “Eles têm disponíveis artigos originais, revisões, editoriais, notas históricas, neuroimagens e cartas”, completou.


O conteúdo é escolhido cuidadosamente por uma equipe qualificada, formada por mais de 100 pessoas, incluindo os dois editores-chefes, editores associados e membros do conselho editorial. Pesquisadores brasileiros e estrangeiros compõem os quadros de editores associados e do conselho editorial. Em média, são recebidos de 12 a 15 artigos por semana, que são inicialmente avaliados pelos editores-chefes. Caso julguem haver mérito científico nesta primeira avaliação, os editores-chefes encaminham para julgamento de um editor associado com expertise na respectiva área e para a avaliação por pares.


“Esses artigos são ainda, em sua maioria, brasileiros, mas temos um número crescente de trabalhos de outros países latino-americanos – principalmente Argentina, Chile e México – e também de outros países da Europa, Ásia e América do Norte. É uma revista internacional e respeitada”, enfatizou Caramelli.


Em cada fascículo são publicados em torno de oito a 10 artigos originais, um ou dois artigos de revisão, dois na categoria de imagem de Neurologia e ainda um ou dois artigos de história. Todos são divulgados contendo um resumo em inglês e outro em português ou espanhol, sendo que o texto principal é sempre na língua inglesa.


Com a finalidade de divulgar a produção científica em Neurologia e Neurociências, a revista destaca-se no cenário latino-americano e mundial “Não há nenhuma outra publicação científica no campo da Neurologia na América Latina que seja indexada em todas as principais bases de dados bibliográficos e com o fator de impacto que Arquivos atualmente exibe”, comentou.

413 visualizações

Eventos

event-placeholder.png
event-placeholder.png
event-placeholder.png

Apoio:

HOME

INFORMAÇÕES

CONTATO

Rua Vergueiro, 1353, sl. 1404, 14ºandar;
Torre Norte Top Towers Office;
São Paulo/SP - Brasil CEP: 04101-000.

contato@abneuro.org

MÍDIAS SOCIAIS

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Copyright © Academia Brasileira de Neurologia 

Política de privacidade e uso de informações