Fármacos antiepilépticos e a mulher em idade fértil, a gestante e puérpera





Há três estudos prospectivos que avaliaram o risco de malformações maiores (graves) em mulheres gestantes que faziam uso de fármacos antiepilépticos. Os estudos americano, britânico e cooperativo europeu apontaram que o mais teratogênico dos fármacos antiepilépticos é, de longe, o valproato de sódio ou ácido valproico. As medicações consideradas mais seguras, unanimemente, nesses estudos, foram a lamotrigina e o levetiracetam. A pesquisa europeia demonstrou, ainda, que a oxcarbazepina também pode apresentar o mesmo grau de segurança que as citadas anteriormente. Essas são, portanto, as medicações mais adequadas para serem utilizadas em mulheres com epilepsia em idade fértil, em gestantes e no puerpério.


Que cuidados devem ser observados em gestantes com epilepsia?

Idealmente, a mulher com epilepsia deve programar a gestação. Sempre que possível deve fazer uso de um único fármaco (monoterapia). O uso de mais de um fármaco (politerapia) aumenta consideravelmente o risco de malformações. Também é conveniente que faça uso de ácido fólico antes de engravidar e durante a gestação, pelo fato de aparentemente reduzir o risco de malformações e, principalmente, diminuir as chances de atraso do desenvolvimento neuropsicomotor e de deficiência intelectual nos filhos dessas mães. Outro cuidado muito importante na gestação é a monitorização dos níveis séricos dos fármacos antiepilépticos. Os medicamentos mais seguros costumam ter os níveis séricos mais alterados no decorrer da gestação e muito frequentemente precisamos aumentar a dose para evitar crises epilépticas na gravidez. No puerpério, é necessário reduzir a dosagem para valores pré-gravídicos, evitando intoxicação medicamentosa.


Fonte - Carlos Guerreiro, professor titular de Neurologia da Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP

0 visualização

Aulas
Prévias

icocbn.jpg
Untitled-1.fw.png
banner_digital 193X178.gif
abneuro.gif

Apoio:

HOME

INFORMAÇÕES

CONTATO

Rua Vergueiro, 1353, sl. 1404, 14ºandar;
Torre Norte Top Towers Office;
São Paulo/SP - Brasil CEP: 04101-000.

contato@abneuro.org

MÍDIAS SOCIAIS

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram

Copyright © Academia Brasileira de Neurologia 

Política de privacidade e uso de informações